top of page
  • Foto do escritorAlexandra Gomes

Como promover a felicidade nas relações familiares

A família é um lugar de apoio, orientação e acolhimento desde o primeiro momento da nossa vida e, por isso, um pilar fundamental.


É na família que aprendemos a amar, a comunicar e a compreender a importância de competências fundamentais como a generosidade, a bondade, a partilha e a empatia.


Por isso é tão importante cuidar das relações familiares, também pelo apoio emocional que oferecem e pelo contributo significativo que têm para a nossa autoestima e para o nosso bem-estar.


As crianças que crescem num ambiente familiar positivo tendem a desenvolver as suas autoestima, autoconfiança e resiliência, graças à segurança física e emocional vivenciada e partilhada por todos os elementos familiares, crescendo, assim, num ambiente familiar seguro e positivo.


No entanto, manter relações familiares saudáveis e positivas requer tempo e esforço permanentes.


Neste sentido, a Pedagoga Silvia Díaz apresenta alguns hábitos essenciais que ajudam a promover a felicidade nas relações familiares.


- Promover uma comunicação aberta e respeitosa. A comunicação positiva é a base de qualquer relação positiva, por isso é fundamental assegurar-se que na família há um fluxo constante de comunicação aberta, empática e respeitosa. Escutar ativamente os seus familiares e expressar os seus pensamentos e emoções favorece um ambiente no qual todos os elementos se sentem valorizados e compreendidos.


- Passar tempo de qualidade juntos. Criar momentos de bem-estar juntos, seja jantar em família, jogar jogos de tabuleiro, ver um filme, etc., fortalece os laços familiares e cria memórias amorosas. Esse tempo de partilha reitera a sensação de pertença e amor em família, o que promove a felicidade.


- Mostrar apoio incondicional. Esta demonstração faz-se estando presente nos momentos mais difíceis, com compreensão e empatia, celebrando as conquistas e fazendo tudo o que está ao seu alcance, quando o familiar precisa.


- Resolver conflitos de forma construtiva. Ter divergências sobre assuntos e fazer de forma diferente não é negativo, uma vez que é importante abordá-los de forma construtiva, escutando a perspetiva do outro e procurando soluções de forma conjunta. Apoiar os gostos e as ideias dos familiares é uma forma de promover a sua individualidade e é fundamental para cultivar a o respeito e promover a felicidade entre as pessoas.


As relações familiares são um tesouro de valor incalculável na vida de cada um. Cultivar a felicidade nestas relações requer tempo, esforço e compromisso, mas é necessário fazê-lo para o próprio bem-estar emocional e dos seus ente-queridos.


49 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Impacto da Violência Doméstica no Desenvolvimento Infantil

A violência doméstica pode ter impactos significativos no desenvolvimento infantil, condicionando o bem-estar pessoal da criança a curto, médio e longo prazo. A exposição frequente a episódios de conf

bottom of page