top of page
  • Foto do escritorAlexandra Gomes

Fomentar o espírito natalício: ainda vamos a tempo


Estamos quase no dia de Natal e com os nossos sentidos tão permeáveis a, pelo menos, duas guerras internacionais, crises políticas e “ressacas pandémicas” na Humanidade, o Espírito do Natal está enfraquecido e não são poucas as vozes que lamentam a indiferença natalícia que é sentida nos seus corações.


É válido este sentimento e até compreensível, mas o Ser Humano tem em si uma característica admirável: a sua resiliência.


Conquanto pareça tarde demais, ou seja, mais fácil colocarmo-nos no lugar do efeito das coisas e lamentarmo-nos do quão empobrecido está o Espírito de Natal, ainda vamos a tempo.


Nos poucos dias que antecedem o Natal, sejamos responsáveis por reacender nos nossos corações o verdadeiro Espírito de Natal. Esta conduta envolve cultivar um ambiente de alegria, generosidade e solidariedade em nós e nos que nos rodeiam. Ficam, então, algumas sugestões que, ainda, tornarão este Natal num Feliz Natal!


1. Ainda não é tarde para decorar a casa ou o espaço de trabalho com luzes, enfeites, árvores de Natal ou uma vela, como símbolo de Luz e de Esperança por um mundo melhor.


2. Escutar ou tocar músicas natalinas para criar uma atmosfera natalícia em vários locais (seja nas refeições de família, substituindo a televisão, no trabalho, nas viagens para o trabalho ou de regresso a casa…).


3. Organizar ou participar em eventos musicais locais.


4. Planear atividades em família, tais como fazer biscoitos, antecipar as decorações da noite de Natal, assistir a filmes temáticos ou realizar jogos natalícios em família/com os amigos.


5. Doar presentes para instituições de caridade ou projetos comunitários. Desta forma são garantidos sorrisos e abraços de quem recebe e tão importante se sentiu.


6. Participar em atividades voluntárias específicas da época natalícia e contribuir para iniciativas que apoiem os mais necessitados.


7. Enviar os tradicionais cartões de Natal com mensagens de boas festas para amigos e familiares. Considerar escrever notas de agradecimento para pessoas importantes para cada um.


8. Reservar um tempo para refletir sobre o ano que passou e expressar gratidão pelos momentos positivos e até pelos menos positivos, como oportunidade de crescimento e evolução pessoal. Participar em eventos religiosos ou espirituais que tenham significado pessoal.


9. Organizar um movimento de angariação de fundos para uma causa nobre.


10. Partilhar receitas tradicionais natalícias com amigos e familiares. Organizar um momento de degustação de iguarias natalícias.


11. Desenvolver tradições familiares únicas que possam ser repetidas anualmente. Envolver todos os membros da família na criação e na manutenção dessas tradições.


Embora o Natal esteja aí, ainda é tempo de contribuir para criar um ambiente natalício mais caloroso, solidário e significativo nos corações de cada um.


Feliz Natal!

 

21 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

É um pesadelo ou um terror noturno? Como distinguir

Por vezes, durante a noite, quando deveriam descansar após um dia ativo e preenchido, as crianças têm um sono agitado, com alguns pesadelos, o que faz com que despertem cansadas e com irritabilidade.

Comments


bottom of page