top of page
  • Foto do escritorAlexandra Gomes

O mundo percecionado pela criança

A autora de livros infantis, Marta Coelho, descreve amorosamente o que é o mundo visto pelos olhos de uma criança.

Para uma criança tudo é possível e, por isso, “todas as montanhas são alcançáveis”.


A magia está em cada recanto que os seus olhos conseguem alcançar e até “as poças servem de piscina” e a “areia é a desculpa ideal para fazer castelos, pontes e túneis, croquetes humanos, para se enterrarem com as cabeças de fora”.


Os seus curativos são os de amor e o beijinho da mãe magicamente afasta a dor.


Através das nuvens contam-se as histórias mais incríveis.


Uma festa é feita com “a sua comida preferida” e tudo o que é embrulhado é como que um presente à espera de ser descoberto.


São os exemplos dos adultos aqueles que as inspiram e as suas promessas “valem ouro”.


Aquela história é contada vezes sem conta e nela há sempre uma novidade.


O mundo, para elas, está à “espera de ser descoberto”, com “brincadeiras infinitas e um sorriso para cada ocasião”.


E o mais triste é que à medida que crescem e se vão tornando adultos, esquecem-se que já olharam o mundo assim, da sombra faziam luz, do cinzento criavam cor e das lágrimas faziam sorrisos.


Que a leitura deste texto, ative em cada adulto a vontade de despertar a criança dentro de si e não deixar que as suas crianças percam a magia de serem quem são.

Obrigada Marta!


55 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Como atuar quando as crianças têm pesadelos frequentes?

Como foi referido num artigo anterior, os pesadelos recorrentes em crianças podem ser causados por uma variedade de fatores, perante os quais é necessário atuar com sensibilidade e cuidado, de forma a

Comments


bottom of page