top of page
  • Foto do escritorAlexandra Gomes

Educar crianças desafiantes: step by step


Ser pai e ser mãe é tão encantador como desafiante! As crianças são perspicazes, audazes, únicas, criativas, irreverentes e, por isso, desafiantes. Como todos os desafios são possíveis de ser superados, os comportamentos irreverentes das crianças, através de algumas estratégias parentais específicas, também o são.


É certo que existem crianças mais desafiantes que outras, tal como existem crianças mais calmas e outras mais destemidas. Para cada caso existem formas variadas para lidar com elas, não havendo uma fórmula mágica. É uma ilusão pensar que as mesmas regras funcionam para todas as crianças, de forma unânime a formatada!


Pois bem, antes demais, importa perceber no que torna as crianças assim, ou seja, compreender os fatores que despoletaram determinadas condutas para, assim, adequar-se as regras e as conversas a ter com elas.


Sobretudo naqueles dias em que os pais são tomados pela exaustão, com a tolerância quase zero, chegar a casa e ter de lidar com a atitude desafiante dos filhos, pode levá-los à loucura e acabam por gritar, dizer algo exagerado e, por último, usar da autoridade comportamental para definir a autoridade.


Este é um quadro expectável e que acontece com todas as famílias, nalgum momento. Nem sempre as dinâmicas são pautadas pelo equilíbrio e os pais naturalmente são “perfeitamente imperfeitos”.


Saber como educar crianças desafiantes exige esforço e dedicação e, acima de tudo, muita paciência, por isso, esta deve ser treinada consistentemente pelos pais.


Em seguida, seguem algumas propostas que, com empenho e determinação, contribuem para a educação positiva de crianças desafiantes.


1. Compreender a causa dos comportamentos desafiantes, para conseguir adotar as melhores estratégias. É sabido que a imaturidade emocional integra o desenvolvimento da criança, mas há limites que precisam de ser definidos desde logo.


2. Passar tempo de qualidade com os filhos. Não poucas vezes, os comportamentos desafiantes surgem nas crianças por sentirem que os pais não estão assim tão presentes e que por isso mesmo podem agir como querem. Para contornar estes sentimentos é importante realizar atividades em família tais como piqueniques, caminhadas ao ar livre ou atividades na natureza, a fim de possibilitar a criação de laços de confiança, amor e carinho entre elas.


3. Impor horários para dormir, mesmo que os filhos não tenham sono. Ainda que queiram jogar ou ver TV, colocar como alternativa a leitura de um livro ou contando uma história desse dia.


4. Falar com um tom de voz baixo, calmo e pedindo por favor. Desta forma, as crianças acolhem com mais facilidade o conteúdo da comunicação transmitida pelos pais, por sentirem que não se trata de uma ordem e acabam por fazer o anteriormente pedido.


5. Baixar-se à altura das crianças e falar nos seus olhos, em vez de serem ditadas ordens da altura dos adultos para a delas (vista pelas crianças como uma atitude superior e autoritária).


Mesmo perante estas propostas, é essencial que os pais percebam de que forma é que os filhos se sentem mais seguros, amados e acolhidos. Quando há um reconhecimento de parte a parte, o processo torna-se mais simples e espontâneo.


57 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Crianças desafiantes, pais inquietos: o que fazer?

Lidar com crianças desafiantes pode ser uma tarefa difícil e exaustiva para os pais.  Estes enfrentam uma multiplicidade emocional perante os desafios associados, sentindo-se física e emocionalmente d

Como pode a escola formar alunos felizes?

A escola desempenha um papel crucial na formação de alunos felizes, não apenas fornecendo conhecimento académico, mas também promovendo competências sociais, emocionais e pessoais. Várias são as estra

Comments


bottom of page