top of page
  • Foto do escritorAlexandra Gomes

Como podem os pais ajudar os filhos adolescentes deprimidos


Os pais podem desempenhar um papel significativo na ajuda dos adolescentes deprimidos. Seguem-se algumas estratégias que os pais podem adotar para com os filhos nesse período difícil.


1. Comunicação aberta: encorajar a comunicação aberta e sem julgamentos. Estar disposto a escutar sobre o que o adolescente pensa e sente, sem minimizar ou negligenciar o seu estado.


2. Estar presente: demonstrar interesse genuíno pelo bem-estar dos filhos e estar disponível para conversar ou simplesmente estar perto quando ele precisar.


3. Conhecer sobre a temática da depressão: procurar compreender melhor a depressão e as suas características, para que saibam lidar de forma mais informada e empática com a situação do adolescente.


4. Procurar ajuda profissional: encorajar o filho a procurar ajuda profissional. Disponibilizar o seu apoio no processo terapêutico e, se necessário, marcar uma consulta para ele.


5. Definir uma rotina saudável: ajudar o adolescente a manter uma rotina diária equilibrada, com horários regulares para dormir, comer, estudar e divertir.


6. Incentivar a atividade física. A prática regular de exercícios pode ajudar a melhorar o humor e reduzir os sintomas de depressão, por isso, os pais devem encorajar os filhos a praticar uma atividade física que lhes agrade.


7. Promover uma alimentação saudável. O humor é condicionado pela alimentação, por isso os jovens devem adotar uma alimentação variada e nutritiva.


8. Evitar a pressão excessiva. Evitar colocar muita pressão nos estudos ou noutras atividades. Reconhecer o esforço e não apenas os resultados.


9. Mostrar apoio emocional. Oferecer apoio emocional constante e mostrar que está do lado dele durante a jornada de superação da depressão.


10. Monitorizar o comportamento. Estar atento a mudanças significativas no comportamento dos adolescentes, como o isolamento extremo, o aumento do consumo de álcool ou drogas, ou sinais de automutilação (pernas, braços, abdómen, virilhas…).


11. Ser paciente. O tratamento da depressão pode ser um processo lento e desafiante. Ser paciente e compreensivo o tempo necessário é um desafio para os pais, fundamental para a recuperação do adolescente.


12. Procurar ajuda para si próprio. Lidar com um adolescente deprimido não é fácil para os pais. Estes devem, também, procurar apoio para si próprios, seja conversando com outros familiares ou amigos ou procurando ajuda profissional.

Cada pessoa é única e pode responder de forma diferente às estratégias de apoio. A abordagem pode variar mas, o mais importante é mostrar ao adolescente que ele não está sozinho e que há suporte disponível para ajudá-lo a superar a depressão.

24 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

A primavera chegou! Como “viver ao sabor” da estação

A primavera chegou e com ela o sol (embora nem sempre manifestado nos últimos tempos), os dias maiores, o despertar de alguns animais e o colorido das flores. Sendo nós parte integrante da Natureza e

Comentarios


bottom of page