• Alexandra Gomes

Os benefícios da Música na Infância

Vários estudos têm sido desenvolvidos sobre o impacto da música na vida das crianças.


A música está presente numa variedade de atividades sociais e pedagógicas: ouve-se música nas lojas, nas ruas, em casa, no carro…


Dada a importância da música, não é novidade que os pais recorram a esta ferramenta para expressar alegria ou serenar os filhos.


Mas qual o impacto da música nas crianças?


Vários autores defendem que a exposição à música desde a primeira infância ajuda a que as crianças comuniquem mais claramente, aumentem o seu léxico verbal e promovam as suas competências sociais e emocionais.

Howard Gardner (1983), autor da Teoria das Inteligências Múltiplas, enfatizou a Inteligência Musical, igualando a sua importância às Inteligências Lógica e Emocional. Esta equação deve-se ao facto de que a música tem a capacidade de fortalecer a conexão entre o corpo e o cérebro para trabalharem juntos.


O melhor período para fomentar o desenvolvimento da Inteligência Musical é entre o nascimento e os 6 anos de idade. Nesta fase, as crianças já percebem os sons e as notas musicais e conseguem distinguir autonomamente “frequência”, “melodia” e “estímulos”.


Os pais desempenham um papel fundamental na educação musical dos filhos, sobretudo quando se pretende expandir o seu horizonte musical. A investigação sugere que crianças cujas famílias estão mais orientadas musicalmente são mais reguladas emocionalmente e possuem uma capacidade musical e mental mais desenvolvida.


Em termos de parentalidade, quando os pais e os filhos gostam de música simultaneamente, a sua vinculação melhora (ainda mais)!


No final, a música é uma ferramenta essencial, na medida em que ajuda a família a ter mais qualidade de vida.

40 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Os castigos ainda existem na conduta parental portuguesa e nalguns contextos escolares (tal como tempos reduzidos de intervalo, a escrita repetida de frases do que não deve fazer, os trabalhos de casa

Tal como os adultos, e sendo inerente a todos os seres vivos, a “perda”, de algo ou alguém importante, é inevitável. Dependendo da dimensão da perda, construir algo depois do fim, parece ser uma taref

“Ao final do dia, uma boa família deveria fazer com que tudo fosse inesquecível.” (Mark V. Olsen) Educar é uma tarefa diária desafiante. Se não for realizada de forma adequada, a educação pode “desedu