• Alexandra Gomes

Saber Gerir as Próprias Emoções: quais os Benefícios

A gestão das emoções está relacionada com o desenvolvimento das habilidades comportamentais de cada um, trabalhando, assim, a própria Inteligência Emocional. A investigação tem validado os benefícios do desenvolvimento da Inteligência Emocional, como fator determinante no sucesso pessoal.


Segundo, a investigadora Nádia Miranda (2019), as pessoas que trabalham a sua Inteligência Emocional são pessoas que:


Desenvolvem a sua autoconsciência, isto é, conhecem-se a si próprias (os seus potenciais e os seus limites);


Trabalham a automotivação no alcance dos seus objetivos;


Identificam e reconhecem as emoções em si e nos outros;


Controlam as suas emoções, pensando antes de falar/agir, conseguem explicar o que sentem e mais facilmente sabem lidar com a frustração;


Trabalham as suas competências interpessoais, sabendo interagir em ambientes sociais;


Sabem liderar;


Inspiram quem as rodeia;


Veem desenvolvido o seu desempenho a nível pessoal e profissional;


Focam-se no que é importante;


Conseguem gerir com mais facilidade as próprias emoções e ajudam os outros na gestão das suas emoções.


Os benefícios do desenvolvimento da Inteligência Emocional são visíveis. Trabalhar a Inteligência Emocional é garantir o bem-estar e o sucesso pessoal. Este trabalho requer persistência e disciplina diária.


Através de pequenos passos é feita grande diferença…. Basta dar o primeiro passo!

43 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

A Infância e a Neuroplasticidade no seu melhor

É nos primeiros anos de vida da criança, que os adultos, entusiasticamente, percecionam a sua velocidade de aprendizagem. Trata-se de Neuroplasticidade! Nos primeiros anos de vida da criança, o seu cé

Ensinar a Criança a Lidar com a Frustração

Uma das características que mais inquieta os pais é a dificuldade dos filhos crianças em lidarem com a frustração. Sem saber bem como tudo começou, esta incapacidade parece ter advindo do fascínio dos